“Beijinho no ombro”: Professora de Contagem faz paródia durante manifestação e vira destaque nas redes sociais

Por - 12 de abril de 2014

Um vídeo divulgado na última quarta-feira (9) tem chamado a atenção de internautas em todo o país. Uma professora do sistema público de ensino de Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, fez uma paródia da música “Beijinho no ombro”, da funkeira Valesca Popozuda, criticando a postura da administração municipal com os assuntos ligados à educação na cidade.

A música, cantada durante um protesto da categoria, já virou hit nas redes sociais. “Beijinho no ombro para aqueles que se escondem / Beijinho no ombro pra quem tem medo da educação / Beijinho no ombro pros corruptos aos montes / Beijinho no ombro quero a valorização”, diz o refrão da paródia.

Segundo o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG) afirmou, a categoria está em estado de greve e, desde fevereiro, o grupo entregou uma pauta de reivindicações para a Prefeitura, mas ainda não obteve nenhum retorno.

Os servidores pedem reajuste salarial de 19% e recebimento de auxilio transporte em dinheiro, e não no cartão “Ótimo”, que funciona apenas em Contagem. Além disso, eles também desejam melhorias na estrutura física das escolas e questões de segurança.

Comentários